Páginas

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

VOCÊ NÃO SABE QUEM SOU EU


O tipo com óculos de sol, fato e gravata apesar do calor, disse-me enfastiado:
— Você não sabe quem sou eu.
Eu, certamente, não sabia quem era ele. Por isso disse-lhe:
— Se for importante para si, diga, e logo conseguirei esquecer-me de si em três segundos, nunca armazeno informação inútil na minha memória.
— Como se atreve?
— Mas de que se queixa? Assim poderá dizer-me até vinte vezes por minuto quem é você, e vinte vezes por minuto eu esquecerei quem é você.
— Mas você não sabe com quem está a falar!!
— Só me deu dois segundos, assim é impossível esquecer quem é você. Prove outra vez depois de eu contar até três...

© Frantz Ferentz, 2016

Sem comentários: